• João Vitor Pereira (Presidente Institucional)

3 dicas para jovens empreendedores


Tem uma frase bastante popular na internet, que fala mais ou menos o seguinte: “Quem teve a ideia de cortar o tempo em fatias, a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial. Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos. Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez”.

Cada vez mais, a vontade de empreender está atingindo pessoas das mais variadas idades. Hoje é comum, por exemplo, que jovens saiam dos colégios e das universidades e já pensem em abrir o seu próprio negócio. Isso se dá, em grande parte, porque eles têm mais ousadia e menos medo de arriscar, e com a chegada de um novo ano, com energia renovada e um cenário mais favorável para 2018, no Brasil, essa tendência tende a aumentar.

No entanto, empreender, diferente do que muitos pensam, não é o mesmo que criar algo nunca visto no mercado antes, mas sim identificar problemas e oportunidades para implementar uma solução que agregue valor à vida das pessoas. Não basta ter boas ideias de negócios, para que você se dê bem ao empreender, é preciso ficar atento a algumas pontos importantes:

Faça boas conexões profissionais

Não é porque você trabalha por conta própria que não precisa fazer networking. Pelo contrário, é exatamente porque você está sozinho nessa que é interessante se cercar de pessoas que possam agregar novos conhecimentos para seu negócio.

Você já deve ter ouvido várias vezes que é nos eventos que você conhece as pessoas que podem mudar seu negócio, seja um parceiro para criação de conteúdo, um investidor ou até mesmo um consumidor em potencial. Faça o possível para criar boas conexões profissionais e esteja aberto para ajudar outras pessoas a crescerem seus empreendimentos também, afinal, a troca precisa ser interessante para todos os envolvidos na parceria.

Trace metas ousadas

Já dizia o ditado: quem não arrisca, não petisca. Se você fica se planejando demais e não dá o primeiro passo, nunca conseguirá saber se seu negócio poderia dar certo.

Para uma meta ser útil para seu objetivo, ela precisa ser:

  • Específica: deixar claro o que você pretende alcançar;

  • Mensurável: fácil de identificar se ela foi atingida ou não;

  • Alcançável: possível de ser realizada com os recursos que você dispõe no momento;

  • Relevante: deve contribuir para o crescimento de seu negócio;

  • Temporal: deve ter um prazo para ser atingida.

Escute seu público

O consumidor é o maior termômetro para saber se você está no caminho certo. Se ele estiver tendo uma boa experiência, ele vai retribuir, seja comprando mais vezes ou indicando seu serviço para alguém.

Por isso, ouça sempre o que seu consumidor tem a dizer. Não minimize um problema que ele esteja enfrentando, e esteja a postos para oferecer um pós-venda humanizado.

Ninguém gosta de ter a sensação de que está falando com um robô. Sendo assim, evite programar respostas automáticas para todo tipo de interação, pois isso pode irritar seu consumidor.

#empreender #dicas #networking #empreendimento #metas #negócios

46 visualizações

Cidade Universitária, Recife - PE, 50740-540 , IMTM (Instituto Nacional de Tecnologia em União e Revestimento de Materiais).

  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle